5 de maio de 2008

Roberto Carlos em San Remo

"A verdade sobre San Remo"

Foi assim que a revista Intervalo de fevereiro de 1967 revelou curiosidades sobre a participação de Roberto Carlos no Festival de San Remo que somente aconteceria um ano depois.

O Festival de San Remo, nasceu logo após a Segunda Guerra Mundial e até hoje segue como o principal festival de música da Ítalia e do continente Europeu. Roberto Carlos participou duas vezes deste festival, da primeira em 1968, quando foi convidado por Sergio Endrigo para interpretar uma de suas cançoes, 'Canzone Per Te'. Na segunda, em 1972, interpretou 'Un gato nel Blu'. O cantor obteve sucesso em suas duas participações, em 1968 com uma vitória inesperada e em 1972 com um êxito que tornou 'Un Gato nel Blu' como uma de suas mais importantes canções em Italiano e em Espanhol na versão 'Un Gato en la Oscuridad'.

Era 1967 quando Roberto Carlos foi convidado a cantar no Festival de San Remo, ele aceitou, foi a Europa gravou mas não cantou. Sergio Endrigo topou uma aposta com Roberto Carlos, onde o Rei iria ao festival, porém, o italiano deveria vir ao Brasil e participar de um programa de televisão. Tudo pronto, Roberto gravou a música 'Dove Credi de Andare' que seria cantada aquele ano em San Remo. Quando Roberto Carlos soube que a canção seria apresentada simultaneamente por Memo Remigi, ele desistiu. Então sua participação naquele evento foi adiada para o ano seguinte...

Fevereiro de 1968, Roberto Carlos cantou e encantou os Italianos com a música, 'Canzone Per Te', uma participação de iniciante, mas que inesperadamente deu ao Rei o troféu do principal festival do velho continente. Sergio Endrigo, autor da música, fez alterações na letra minutos antes da apresentação de Roberto Carlos, assim o cantor teve que entrar no palco com uma "cola" da letra escrita na mão esquerda. "Eu não esperava ganhar, o que importava naquele momento era participar, mas quando vi, apareceu um batalhão de fotográfo, eu achei que tava maluco, mas percebi que tinha ganho"


A experiência do festival fez naquele momento, Roberto Carlos, o único cantor não italiano a ganhar aquele prêmio e o deram o título de Rei de San Remo, aqui no Brasil.

De volta ao Brasil, uma multidão o esperava no Aeroporto, parecia que o Brasil tinha sido campeão de copa do mundo. Carregado pelo povo, o Rei foi fazer seu primeiro Show pós San Remo onde cantou Canzone per te e foi ovacionado durante vários minutos.


Ainda naquele ano de 68, Sergio Endrigo cumpriu sua promessa e veio ao Brasil e se apresentou no programa 'Roberto Carlos 68' da Tv Record. Roberto que então já era famoso pelo seu Iê Iê Iê, na América Latina e Portugal, passou aí a ter um status mundial.

Quatro anos depois de Canzone per te, em 1972, Roberto voltou ao Festival de San Remo para cantar 'Un Gato nel Blu' de Toto Savio. Um cantor mais maduro que já esperava uma boa colocação, também inesperadamente, porém, num efeito contrário de 68, ele acabou sem ganhar o trófeu. No entanto 'Un gato nel Blu', posteriormente gravada em espanhol como 'Un Gato en la Oscuridad' se tornou uma espécie de hino em diversos países, no Brasil mesmo em espanhol e italiano ela foi um grande sucesso.


O Festival de San Remo, sem dúvida abriu novos mares pra Roberto Carlos. Talvez tenha sido ele o responsável pelo êxito do Rei no resto do Mundo.

"O Festival de San Remo foi um das maiores emoções da minha vida"
Roberto Carlos em 1995

Imagens: Clube do Rei

8 comentários:

  1. Fabiano Cavalcante05 maio, 2008 09:31

    Depois desta matéria... nada mais a crescentar.

    Fabiano Cavalcante
    www.aplauso.zip.net

    ResponderExcluir
  2. Muito boa essa reportagem, Lipe!
    Canzone Per Te, ficará para sempre na memória de muita gente.
    Beijos,
    Leda Martins.

    ResponderExcluir
  3. Everaldo Farias05 maio, 2008 16:23

    Excelente matéria, Lipe, a cada dia você se supera mais!

    E ainda deixou esse eterno pensamento instigante: O baú do rei. Você disse acima que ele chegou a gravar essa canção em italiano, imagina o que esse homem não guarda nesse baú?

    Blog Música do Brasil
    www.everaldofarias.blogspot.com

    Um forte abraço!

    ResponderExcluir
  4. Excelente mat�ria Lipe, mas eu queria que o Rei tivesse participado do festival de San Remo de 1977. Fica esse suspense sobre a can�o que ele ia cantar e como n�o participou, nem cantou, nem gravou.

    Foi muito merecido Roberto ter ganho esse festival de 1968 com a can�o Canzone Per Te, pois apesar dos obst�culos impostos, como altera�o da letra, pouco antes de come�ar sua apresenta�o, merecidamente o Rei ganhou o Pr�mio.

    Realmente, esse festival, foi como uma luz que com o seu clar�o, fez de Roberto o grande Rei mundial da can�o.

    Um grnde beijo da amiga.

    Maz� Silva.

    ResponderExcluir
  5. Paula (Portugal)06 maio, 2008 20:01

    Bravo Lipe!...
    Uma boa e bastante elucidativa incursão "retrospectiva" no Festival de San Remo de finais dos anos 60 e inícios dos 70.
    "Canzone per te", como parece que já todo o mundo sabe, é uma canção que me toca bem fundo!...
    Obrigada por toda esta informação.
    Parabéns uma vez mais por este seu belíssimo blog.
    Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  6. San Remo é uma das paradas que todo fã de Roberto Carlos deve fazer ao escutar sua discografia. Grande achado esta reportagem, Lipe!

    Abraços,
    Vinícius Faustini

    www.emocoesrc.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Só fui tomar conhecimento desse grande evento anos depois. Aprendi as duas letras e cantei em vário lugares, para amigos e festinhas e todos sempre aplaudiram essas canções. Sinto como se fosse comigo toda essa emoção, imagine ele que viu tudo e participou de tudo. Realmente é uma pessoa iluminada o Roberto Carlos. Para mim essas duas canções: "Canzone per te" e "Un Gatto Nel Blu", são as mais importantes da carreira do Roberto, e gosto de cantar as duas por onde ando. Me emociono muito ao ouvir e ao cantar. Parabéns Roberto, e que Deus continue te iluminando. Paulo Rogério de Cuiabá-mt

    ResponderExcluir
  8. Só fui tomar conhecimento desse grande evento anos depois. Aprendi as duas letras e cantei em vário lugares, para amigos e festinhas e todos sempre aplaudiram essas canções. Sinto como se fosse comigo toda essa emoção, imagine ele que viu tudo e participou de tudo. Realmente é uma pessoa iluminada o Roberto Carlos. Para mim essas duas canções: "Canzone per te" e "Un Gatto Nel Blu", são as mais importantes da carreira do Roberto, e gosto de cantar as duas por onde ando. Me emociono muito ao ouvir e ao cantar. Parabéns Roberto, e que Deus continue te iluminando. Paulo Rogério de Cuiabá-mt - paulorogaril@hotmail,com

    ResponderExcluir

Essa seção é a sua ligação com a Administração do Blog Rey Roberto Carlos. Deixe sua opinião sobre o site, a matéria e mande seu recado.

Blog Rey Roberto Carlos

Busca